Bate e volta para Mangue Seco/BA e Praia do Saco/SE

As praias da capital do estado do Sergipe não são tidas como as mais paradisíacas. Mas, saindo da cidade, você poderá encontrar belíssimas faixas de areia a poucos quilômetros de Aracaju, dentre elas a Praia do Saco, no extremo sul deste pequeno estado, e Mangue Seco, já na Bahia.

Mangue Seco

A vila de Mangue Seco ficou muito famosa após ter aparecido na abertura da novela Tieta. O simples e acolhedor vilarejo de pescadores está localizado em uma península na cidade de Jandaíra, no extremo norte da Bahia, divisa com o Sergipe.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
Dando uma de Tieta!

É banhada pelo Oceano Atlântico e pelo rio Real, e emoldurada por dunas de areias claras com até 30 metros de altura, restingas e muitos coqueiros. São quase 30 km de praias ideais para quem busca sossego, já que o acesso não é dos mais fáceis, possível somente por barco, bugue ou 4×4.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
Aqui vemos o fim da península onde está Mangue Seco, com o Rio Real de um lado, o oceano Atlântico do outro e ao fundo a Ponta do Saco.

Para quem vem via mar, há ainda um trecho percorrido somente pelos bugues da cooperativa local ou por uma caminhada de cerca de 15 minutos.

Distando 130 km de Aracaju/SE, 130 km da Praia do Forte/BA, 110 km da Costa do Sauípe/BA e 200 km de Salvador/BA, a vila é uma ótima opção para um bate e volta, principalmente para quem parte dos 3 primeiros.

Se quiser passar mais tempo por lá, há poucas opções de pousadas. Se você busca luxo na hospedagem, opte pelo bate e volta. Além disso, a infraestrutura do local é bem pequena e não há vida noturna.

Praia do Saco

Localizado no extremo sul do estado do Sergipe, no município de Estância, a 70 km do centro de Aracaju, a Praia do Saco está entre as 100 praias mais belas do mundo.

São cerca de 5km de praia de areia branca, mar calmo e morno. Por ali além da caminhada, há também passeios de bugue pelas dunas e a uma lagoa artificial.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju

Um dos lugares de maior destaque é a Ponta do Saco, acessível somente por barco, bugue ou 4×4. Assim como Mangue Seco, a Ponta do Saco é banhada pelo oceano atlântico e pelo Rio Real e margeada por restingas, mangue e coqueiros.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju

A infraestrutura na Ponta do Saco é mínima, ainda menos que em Mangue Seco. Por isso, prepare seu cooler com lanchinho e bebidas se pretende passar algumas horas por aqui.

Agora, se o plano é ficar no trecho da Praia do Saco acessado por carro comum, há muitas opções de quiosques e restaurantes que lotam nos feriados e finais de semana.

Diferentemente de Mangue Seco, a oferta de hospedagens é um pouquinho maior, com opções para todos os gostos e bolsos, no entanto igualmente carente de vida noturna.

Como ir para Mangue Seco e Praia do Saco saindo de Aracaju

As formas mais fáceis de chegar em Mangue Seco e na Praia do Saco são:

  • Contratar um passeio com agência. Há pacotes tanto para conhecer as duas no mesmo dia, como separadamente;
  • Alugar um carro e ir por conta própria.

Acho que nem preciso dizer que fomos de segunda opção, né?

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco saindo de Aracaju

Para quem sai de Aracaju não tem erro, basta pegar a SE-100. No entanto, evite o trecho que margeia o litoral na capital, pois costuma ter muito tráfego, principalmente nos fins de semana e feriados.

Para tal, siga pela Rodovia dos Náufragos, paralela àquela, até cruzar a Ponte Joel Silveira. Deste ponto em diante você já estará na SE-100.

Dentre os atrativos no caminho está a famosa Lagoa Grande ou dos Tambaquis, uma lagoa natural pluvial, na qual foram introduzidos tambaquis, com o intuito de controlar naturalmente a reprodução do caramujo hospedeiro da esquistossomose.

Atualmente, a lagoa é ponto de parada de muitos turistas que pagam por saquinhos de ração para atrair os tambaquis. Eu, particularmente, não gosto deste tipo de turismo.

Ainda no caminho estão as praias do Coqueirinho, Caueira e Abaís.

Saiba o que fazer em Aracaju com a Luana, do blog Viagem & Cura. Tem várias opções gratuitas!

Onde pegar a lancha/barco para Mangue Seco

São 4 opções de locais para pegar a lancha/barco para cruzar o Rio Real rumo à vila de Mangue Seco:

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
  • Atracadouro do Pontal, em Indiaroba/SE – é a melhor opção para quem vem da Bahia.

As demais opções, todas em Estância/SE, são melhores para quem está em Sergipe.

  • Porto do Cavalo;
  • Porto de Nagola;
  • Pontal do Saco – por ser mais distante de Mangue Seco é a opção mais cara.

Quando da nossa ida, do Porto do Cavalo, ao menos durante a semana, estavam saindo barcos somente para quem já estava agendado. Os barqueiros que ali estavam nos disseram que era devido aos casos de roubos (inclusive, quando chegamos havia dois policiais fortemente armados fazendo ronda por ali). Há estacionamento gratuito no local.

Nos foi então informado que as embarcações sem reserva prévia partiam do Porto de Nagola, voltando um pouco na SE-100 (coordenadas geográficas 11°24’57.9″S 37°21’44.8″W). Portanto, esta é a melhor opção para quem vai por conta.

Não tenho certeza em relação ao Atracadouro do Pontal, mas nas demais opções você pode optar somente pela travessia, como também por visitar outros pontos antes de seguir para Mangue Seco.

Como foi nossa experiência

Saímos por volta das 8h da nossa pousada e chegamos no Porto de Nagola umas 9h30. Fechamos o pacote com o barqueiro que incluía paradas também na Ilha da Sogra e na Ponta do Saco, antes de seguirmos para Mangue Seco.

Leve dinheiro. Nosso barqueiro não tinha nem conta no banco (ou devia pensão!). Eu não consigo lembrar de forma alguma por quanto fechamos o pacote, mas foi algo em torno de R$ 250,00 o casal (nov/2020).

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju

Na hora ia faltar dinheiro, mas graças a uma família que também estava fechando um passeio e que já tinha aderido ao maravilhoso mundo do (então recém-chegado) PIX, conseguimos juntar o dinheiro para pagar o barqueiro.

A primeira parada foi na Ilha da Sogra, um banco de areia branquinha com cerca de 1km de diâmetro que só aparece na maré baixa, onde são formadas piscinas naturais. Ficamos por lá cerca de 20 minutos.

Seu nome veio da lenda de que um pescador deixou sua sogra na ilha e foi pescar. Quando voltou, a maré tinha subido e a sogra sumido. Quando chegou em casa, a sogra o esperava. Havia sido resgatada por outros pescadores, não sei se para sua alegria ou tristeza!

Em seguida fomos para a Ponta do Saco, definitivamente um dos lugares mais lindos que já estivemos. Ali ficamos cerca de 40 minutos, com vontade de ficar mais. Ah! Neste ponto tinha um quiosque, caso bata aquela sede!

Passeio de Bugue

Por fim atracamos na vila de mangue seco por volta do meio dia, bem em frente à cooperativa de bugueiros.

Os bugues cruzam as dunas e nos levam até a praia de Mangue Seco. O preço é tabelado para até 4 pessoas. O pagamento pode ser feito em dinheiro ou no cartão. Neste último caso há um acréscimo.

São oferecidas três modalidades:

  • Translado até a praia;
  • Passeio curto, cerca de 30 minutos, com 5 paradas em pontos icônicos nas dunas;
  • Passeio longo com duração em torno de 1h30. Além dos pontos de parada acima mencionados inclui uma parada no povoado de Coqueiro, localizado ao sul da península.

Importante: em geral o valor pago às agências não inclui o bugue, que deve ser pago à parte.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju

Passeio curto pelas dunas

Escolhemos o passeio curto. Pagamos na época R$ 140,00 (no cartão – o valor em dinheiro era R$ 130,00).

As paradas são:

  • Bela Vista;
Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
  • Pôr do Sol;
Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
  • Skibunda – valor pago à parte para descer a duna numa prancha. Pagamos R$ 5,00 para duas descidas;
Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
  • Morro do Caju – cajueiros marcam o ponto mais alto das dunas;
Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
  • Coqueiros Romeu e Julieta – um par de coqueiros isolados dos demais, que faziam parte da abertura da novela.
Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju

Praia de Mangue Seco

Ao final, somos deixados na praia, próximos aos quiosques. Escolha aquele que mais te agradar.

Considerando a localização, achei os valores das comidas e bebidas justos. Pedimos moquequinha de folha (carne de aratu cozida e desfiada, temperada com cominho, coentro e pimentão e embalada em folhas de palmeira de licuri que vai à brasa), água de coco e cervejas trincando de geladas, inegavelmente um alívio naquele calorão!

Ah! Nesse meio tempo passou uma moça vendendo cocadas de castanha de caju. Uma pena que compramos somente uma, pois estava divina!

Combinamos com o bugueiro de nos pegar por volta de 14h30, horário que a maioria dos turistas deixa o local, pois os quiosques fecham (ao menos durante a semana). Aproveitamos o tempo livre para dar um mergulho e caminhar pela praia e dunas.

Caso queira, é possível fazer passeios de quadriciclo.

Vila de Mangue Seco

O retorno para a vila não leva mais de 10 min. Enquanto esperávamos pelo nosso barqueiro – combinamos dele nos pegar às 15h – demos uma volta pela pequena vila onde vivem cerca de 200 pessoas.

A vila é composta por algumas residências, pousadas simples, mercadinhos, lojas de artesanato e uma igrejinha. Você pode caminhar pelo calçadão ou pelas ruas cobertas de areia.

Praia do Saco

Chegamos no porto de Nagola por volta de 15h45. Com tempo de sobra até o pôr do sol, decidimos, portanto, estender nosso roteiro até a Praia do Saco, a qual não estava nos planos até aquele momento.

Não paramos no ponto mais frequentado, onde há infraestrutura. Paramos antes, em uma região com muitas residências à beira mar.

Inesperadamente, tínhamos aquela praia maravilhosa somente para nós! Ou melhor, até que um rebanho decidiu nos fazer companhia. Lá apreciamos um lindo pôr do sol antes de retornarmos para Aracaju.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju

Itens que sem dúvida não podem faltar na sua mochila/bolsa

  • Dinheiro em espécie (ainda com o PIX bombando!);
  • Óculos de sol;
  • Água e lanchinho;
  • Boné/chapéu;
  • Protetor solar.

Veredito

Ambas as praias são muito bonitas. No entanto, o custo para chegar até a praia de Mangue Seco, mesmo indo por conta, é muito alto pelo que oferece.

Minha opinião: economize, já que o acesso é muito mais fácil, e aproveite tudo que a Praia do Saco oferece – principalmente a Ponta do Saco.

Bate e volta para Mangue Seco e Praia do Saco - Roteiro de 1 dia saindo de Aracaju
Ponta do Saco e Ilha da Sogra

Infelizmente perdi as anotações com os valores deste passeio completo. Mas o custo foi algo em torno de metade do que pagaríamos indo com uma agência, sem contar a liberdade de se fazer um passeio por conta própria.

Aliás, o custo total da viagem está discriminado no post “Viagem de carro por Sergipe e Alagoas”.

O que tem no blog sobre o Nordeste

Chegou o verão!

Semelhantemente, o grupo “Viagens por Escrito” tem dicas de praias, cachoeiras, rios, lagos onde você pode se refrescar nesse verão:

8 Comentários

  • Patrícia Veludo

    Fiquei com imensa vontade de conhecer a Praia do Saco, quer pelas suas descriçõoes quer pelo simples fato de ter sido considerada uma das mais bonitas do mundo. Deve ser maravilhosa.

  • Izabela

    Que lugar espetacular, me apaixonei pelo passeio de vocês. Apesar de já ter escutado sobre Mangue Seco, não imaginava o quão lindo era. Mega abraços e adorei as dicas ☺️

  • Luciana

    Ba, deixa a dica do dinheiro em destaque hahahaha. Também passamos perrengue por nao ter levado muito dinheiro em espécie. Achamos o tour de buggy um pouco caro… da ultima vez que fomos, fechamos apenas o transfer até a praia… mas, para quem vai a primeira vez, vale a pena!

    • barbaracortat

      Acredito que agora com o PIX esteja mais de boa, mas vou colocar em destaque sim!
      Mesmo só o transfer é bem caro, né? Esse que é o problema de lugar turístico, povo mete a faca.

      • Kênia Miranda

        Que lugar lindo!
        E gratidão por oferecer um post tal completinho e cheio de informações!
        O Brasil tem tanto a oferecer, o que nos falta é tempo para sair conhecendo tudo!
        Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: