Ilhabela,  São Paulo

Praia do Gato em Ilhabela – a campeã dos borrachudos!

Que a Ilha tem praias lindas, isso todo mundo tá cansado de saber. Mas linda e deserta??? Opa, aí me chama ainda mais atenção! Essa é a Praia do Gato em Ilhabela!

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos

Eu já não sou muito de praia, principalmente porque se deu praia é porque tá calor, e eu odeio calor!!! Então para me fazer ir até uma, tem que ter algo de especial.

Agora que estamos com um carro 4×4, toda vez que vamos para Ilha, reservamos um dia para Castelhanos. E ao fazer esse post aqui, coloquei na cabeça que a próxima ida eu ia conhecer a Praia do Gato, na qual você pode chegar de barco ou por trilha, que sai do lado esquerdo da Praia dos Castelhanos.

Carro + trilha

Deixamos o carro lá no estacionamento, que por sinal tem novidade. A comunidade local está querendo começar a cobrar pelo estacionamento, sendo que isso é ilegal. A praia é pública e ali é o único lugar que podemos deixar os carros de forma organizada e consciente, ecologicamente falando. Por enquanto está como sugestão, mas estão querendo implantar.

Mas voltando ao assunto, estacionamos o carro e fizemos a trilha de ida pela praia mesmo. Do estacionamento até a Praia do Gato são somente 2 quilômetros, sendo 1 km percorrendo a praia dos Castelhanos, uma parte passando pela comunidade do canto do gato e o restante dentro da mata. A trilha tem duração de cerca de 30 minutos.

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos

A trilha é fácil, mas nos seus 200 metros finais fica um pouquinho mais chatinha porque você precisa cruzar um rio. Antes das fortes chuvas que do começo desse ano havia uma pontezinha, mas que foi levada pela força das águas, ficando somente uma tora ali intacta. Na ida fomos por dentro do rio mesmo. Tenha cuidado, você terá que andar pelas pedras e algumas são escorregadias, na volta o Yu me ajudou a cruzar me equilibrando na tora.

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos
Geleia mostrando o que sobrou da pontezinha.

Depois desse trecho a trilha fica bem fechada, mas ainda dá para saber qual caminho seguir. Ao final você já estará com o pé nas areias da Praia do Gato.

Praia do Gato – Ilhabela

A Praia do gato é cercada por rochas, mata atlântica e mar, que no dia que fomos estava bem agitado, deixando a pequena praia ainda menor. Tava muito inseguro entrar no mar naquele dia, mas isso não impediu a gente de tomar banho de mar só com as fortes ondas que chegavam até onde a gente estava sentado! Pretendemos voltar em um dia de mar calmo.

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos
Sendo atacada pelas ondas!

Ao centro dela há uma gruta natural, com algumas rochas excelentes para apoiar as coisas e sentar! Lá dentro flui uma cachoeirinha delícia, com uma pequena cascata que dá pra ficar embaixo e tomar um delicioso banho.

Prepare-se para os Borrachudos!

Tudo lindo, maravilhoso. Mas essa foi definitivamente a praia com mais borrachudos que já fomos lá na Ilha. Como pouca gente vai para lá e naquele dia éramos os únicos ali, não deu outra, viramos banquete!! O repelente não deu conta e a gente voltou de lá ultra mega blaster picados. Até o Yu que nunca sofreu com isso ficou com o pé inchado, imagina meu serzinho… Eu olhava para o meu corpo todo vermelho de picadas e aquilo abalou tanto meu psicológico que me coçava sem estar coçando. Aí que começava a coçar tudo mesmo!!

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos

Para manter minha sanidade precisei comprar um antialérgico!

Tirando essa parte, que a gente sabe que tá dentro do pacote Ilhabela, foi uma das praias mais lindas e gostosas que já fomos, principalmente pelo fato de estar deserta, sem aquela muvuca de pessoas, restaurantes etc.

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos
Uhu, a praia é nossa!!!

Não há necessidade de ir de tênis, como outras trilhas exigem, mas pela extensão, é recomendável para não machucar o pé com o chinelo. Já ir com uma mochila é uma boa, principalmente para facilitar a travessia do riozinho sem ter coisa na mão.

Não pode faltar na sua mochila:

  • Repelente, tipo muito!!!
  • Lanchinho
  • Uma garrafa de água que você poderá encher lá na cachoeira ou no riozinho que vc cruzou
  • Chapéu
  • Protetor solar

Passamos quase o dia todo lá e só fomos embora quando o repelente já tava acabando!

Poço Natural

Antes de retornar para Castelhanos, seguimos para o “Poço Natural”, trilha curtinha indicada numa bifurcação com a trilha da praia.

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos
Bifurcação na trilha.

Aproveitamos para lavar não só a água salgada do corpo, mas também lavar a alma. Tem coisa melhor que tomar um banho de poço/rio de cachoeira?

Onde comer na Praia dos Catelhanos

De volta à praia dos Castelhanos, paramos no Quiosque do Canto do Gato, do Fernando e da Cristiane, moradores da comunidade local. A comida ali é fresquinha, a cerveja bem gelada e foi lá que comemos uma das melhores lulas fritas no Brasil. Eles aceitam cartão de crédito, mas leve dinheiro, porque internet na praia é um luxo e muitas vezes a maquininha fica sem sinal. Normalmente gastamos cerca de R$150 lá (o casal).

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos
Tava ficando nublado, mas não menos linda a Praia de Castelhanos vista do Canto do Gato.

A temporada de lula já acabara nessa época do ano (vai de dezembro/janeiro até fevereiro, o que vc encontrar fora dessa época é congelada), mas as iscas de pescada estavam uma delícia!

Quem sabe se hospedar perto da Praia do Gato, Ilhabela!

Eles também têm dois quartos, que alugam pelo Airbnb. Se você quiser se desconectar um pouco do mundo em um paraíso, ali é o lugar! (PS: não estou recebendo nada por isso. Só indico aquilo que realmente gosto. Ainda não nos hospedamos lá, mas conhecemos os quartos que têm uma vista maravilhosa da baía).

IMG_20200309_163305958
Geleia e o Quiosque Canto do Gato.

Aquele detalhe que fez toda a diferença

Quando estávamos passando pela comunidade a caminho da Praia do Gato, Ilhabela, uma cadelinha começou a nos acompanhar. Ela ia na frente e nos guiou direitinho até a praia.

No trecho que tivemos que cruzar o rio, rolou um momento bem tenso. Nós começamos a cruzar, ela ficou meio impaciente, tentou cruzar junto com a gente e acabou caindo na água, na parte que tava mais revolta. Ficamos desesperados porque ela tava afundando na água enquanto tentava desesperadamente nadar contra a corrente. Na hora que o Yu foi tentar pega-la, ela se assustou e parou de nadar. Ainda bem, porque a corrente a levou para um ponto mais tranquilo e ela conseguiu sair sozinha.

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos
Geleinha!!!

Foi aí que ela ganhou seu nome: Geleia, para combinar com o Goiaba, nosso cão guia no Atacama!

A Geleia passou o dia todo com a gente na praia, no poço natural, no quiosque e seguiu com a gente pela trilha de volta, dessa vez pela parte interna à praia, onde há uma estradinha de terra para os veículos da comunidade do Canto do Gato. No meio do caminho cruzamos com uma moça que a cumprimentou! Seu nome era Shakira! Ela tinha dono! Mas mesmo assim, nos levou até o carro, onde nos despedimos.

Espero encontra-la na próxima vez!

Ilhabela, Praia do Gato, Ecoturismo, Praia dos Castelhanos

Mais dicas de Ilhabela

O outro lado de Ilhabela – Travessia Bonete – Castelhanos – Roteiro de 2 e 3 dias

A secreta (mas famosa) piscina natural em Ilhabela!

7 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

error: